Blog

Quando é necessário usar aparelho auditivo?


O aparelho auditivo tem como principal objetivo ampliar o volume dos sons. Ou seja, facilitar a audição de pessoas que tiveram perda dessa função. Existem diversos tipos de aparelho, que se adequam a diferentes casos e podem ser usados em qualquer idade. Mesmo assim, antes de adquirir um dispositivo, é importante entender se esse é, de fato, o método correto para ajudar a escuta.
Para ajudar nessa questão, ao longo do texto, você conhece os quadros em que é mais comum o uso do aparelho auditivo. Confira:

 

Casos em que o dispositivo eletrônico é indicado

Antes de tudo, ao sentir sintomas como dificuldade de ouvir ou zumbidos no ouvido, é fundamental consultar um otorrinolaringologista. O profissional é quem vai avaliar se há ou não necessidade de adquirir um aparelho auditivo para o tratamento. É possível, ainda, que seja indicado algum medicamento ou realização de cirurgia.

Em linhas gerais, as situações que desencadeiam a importância de usar dispositivos eletrônicos são:

• Surdez por desgaste no sistema auditivo;
• Sequelas de otite crônica;
• Alteração das estruturas do ouvido, por um traumatismo ou por uma doença, como a otosclerose;
• Danificação das células do ouvido por excesso de ruídos, por trabalho ou ouvir música muito alta;
• Presbiacusia, em que acontece degeneração das células do ouvido devido ao envelhecimento;
• Tumor no ouvido.

 

Aparelhos auditivos e o zumbido

Mesmo em pacientes que não apresentam perda de audição, mas sofrem com o zumbido, o aparelho auditivo é recomendado. Nesses casos, há dispositivos que proporcionam estimulações sonoras especiais, que servem para filtrar a percepção do zumbido.
Existem, também, tratamentos em que o uso dos aparelhos é temporário. Normalmente, dura de 6 a 12 meses. No final desse período, o zumbido pode desaparecer ou ficar pouco perceptível, deixando de incomodar. Apesar disso, é essencial lembrar que cada caso é único e cada paciente reage de uma forma. Como resultado, voltamos à importância primordial de ter acompanhamento médico.
Por isso, a Audição conta com uma rede de clínicas parceiras que realizam atendimentos e exames. Quer saber mais? Entre em contato ou acompanhe nossas redes sociais.