Blog

Dor de ouvido: 4 dicas para evita-la no verão


A estação mais quente do ano é convidativa para um banho de mar ou piscina, seja com amigos ou com a família reunida. Entretanto toda a diversão pode ir por água abaixo se você não tomar alguns cuidados para evitar dor de ouvido.

A dor de ouvido que surge no verão, mais conhecida como otite externa, é uma inflamação comum nesse período de calor, geralmente causada pelo contínuo contato com a água. O incômodo acomete com maior frequência crianças acima dos três anos, que passam grande parte do dia no mar ou na piscina.

A otite externa é causada basicamente quando o líquido (água do mar, piscina ou cachoeira) fica parado na cavidade do canal auditivo, abrindo, assim, caminho para infecções nessa região. Para aproveitar o verão sem dores de cabeça, a Audição separou algumas dicas que vão ajudá-lo a evitar a otite. Confira!

 

  • Quando no mar, evite quebrar ondas com o corpo virado de lado. Essa posição de nado intensifica a pressão da água causada pelo choque da onda, podendo levar até a uma perfuração da membrana do tímpano.
  • Ao realizar mergulhos, preste atenção se o ouvido compensou a pressão da água. Caso não ocorra, volte rapidamente à superfície. A pressão da água pode causar um trauma na membrana do tímpano em um mergulho comum em uma piscina de 1,80m de profundidade.
  • Se ao nadar você ficou com água presa dentro do ouvido e não consegue retirá-la, adote algumas manobras tradicionais: movimente levemente a orelha de um lado para o outro, até a água sair ou deite de lado em uma posição confortável até que o líquido escorra. Nunca acrescente qualquer outro líquido no canal auditivo, como álcool ou azeite, por exemplo. Caso a água continue presa no ouvido, procure um médico.
  • Ao sair da água, ou após o banho, seque a parte externa do ouvido com uma toalha macia. Lembre-se de nunca secar dentro da orelha, pois pode ferir o tímpano.

 

Como tratar uma otite

  • Caso a otite seja confirmada, a primeira coisa a ser feita é evitar o impulso de usar hastes flexíveis para limpar ou retirar secreções do ouvido. As hastes devem ser usadas apenas na limpeza externa da orelha, nunca no canal auditivo. Esse tipo de objeto é perigoso, visto que aumenta as chances de causar ferimentos ou piorar a situação da otite. Confira outras dicas de como limpar seu ouvido clicando aqui.
  • Se a dor de ouvido for muito forte, vá ao médico. Só tome medicamentos previamente receitados pelo especialista. Para atenuar a dor de forma natural, coloque uma compressa de água quente no ouvido com dor. O calor é um importante aliado no combate à dor e à inflamação.
  • É importante ficar atento, pois, quando não tratada, a otite externa pode evoluir para um quadro mais grave. Se os primeiros cuidados não forem suficientes para eliminar as dores, procure o quanto antes a ajuda de um otorrino. A maioria das otites é resolvida com o uso de analgésicos e uma delicada limpeza realizada pelo médico.

Não brinque com a saúde do seu ouvido. Em caso de dores, procure um especialista e aproveite o verão!